Agora iremos determinar quais permissões cada usuário irá ter, a quais playlists ele terá acesso, quais pastas e se nestas ele poderá realizar alterações ou não.

Para isto iremos clicar no ícone na mesma página que a de cima, mas agora clicaremos em “New permission”




Após clicarmos, iremos acessar o menu onde indicaremos qual tipo de permissão o usuário deve ter (qual playlist ou pasta ele pode acessar).



Nesta, teremos 3 campos para seleção. O primeiro é o Content Type, onde iremos selecionar qual acesso queremos dar ao nosso usuário (pasta, playlist, grupo de terminais ou a um terminal especifico). Em nosso exemplo, o usuário terá acesso a Playlist.



Agora iremos a seleção do segundo campo, nele, iremos selecionar a qual playlist especifica daremos acesso ao usuário, de acordo com o nome dela (no nosso caso, o nome da nossa playlist é teste).


Agora indicaremos qual tipo de acesso esse usuário terá, se ele poderá realizar alterações na pasta/playlist ou se terá apenas a opção de visualizar o que existe dentro delas.



Neste campo, aparecerão as opção Read (apenas visualização) e a Read/Write (alterações e visualização). Após realizar este passo, iremos salvar as alterações, clicando em Update Account.



Vale ressaltar que o mesmo usuário pode ter mais que uma permissão, mas só conseguimos inserir uma por vez , por exemplo  Usuário  1 pode ter a permissão para a playlist teste e para a pasta b2, então para realizarmos a inserção das duas permissões devemos realizar um processo de New permission para cada um dos acessos (pasta/playlist).

Pronto, agora já realizamos a criação dos usuários e determinamos as permissões a cada um deles.